sábado, 22 de dezembro de 2012

Os Primeiros núcleos de povoamento



Os Primeiros núcleos de povoamento

Alagoas nasceu sob o signo de luta que se transformou em resistência e vida. Após a fase da extração do pau-brasil, madeira abundante, que atraiu a presença francesa, as feitorias, as expedições exploradoras e guarda-costas, e das bandeiras de apresa­mento dos indomáveis caetés, passando a viver a experiência de uma colonização baseada na exploração da cana de açúcar e da criação de gado. Das feitorias estrangeiras restam à longínqua lembrança da presença francesa em vários pontos da costa alagoana, prin­cipalmente em Paripueira, Coruripe, São Francisco e a maior delas no território do atual município de Marechal Deodoro, na famosa praia do Francês ou Dos Franceses

Distribuição das Terras

Pacificado o território da donataria em seu lito­ral sul, Duarte Coelho Pereira iniciou a distribuição das terras do Cabo Santo Agostinho para baixo, começando a surgir ali vários engenhos de açúcar. A colonização do antigo território caeté, agora a parte austral da Nova Lusitânia, partiu de três núcleos de povoamento. O primeiro, tendo Porto Calvo como foco; o outro, em torno das lagoas grandes, Mundaú e Manguaba, chamadas respecti­vamente de lagoas do Norte e do Sul, que fez flo­rescer os povoados de Santa Maria Madalena da Lagoa do Sul (atual Marechal Deodoro) e Alagoas do (atual Santa Luzia do Norte) e, finalmente, o ter­ceiro, mais ao sul, tendo como centro Penedo. A irradiação inicial desses três núcleos, fundamenta­dos os dois primeiros no plantio da cana de açúcar, dos engenhos e o terceiro, nos currais, na pecuária, permitiu o início do processo de colonização.

Expulsão de indios

Segundo Álvaro Queiróz, "o povoamento do norte de Alagoas começou com a bandeira capita­neada por Cristovão Lins, entre 1575 e 1585. Esta expedição expulsou os índios potiguares das suas terras, escravizando aqueles que foram capturados vivos". A expansão do território conquistado pelo fidalgo Lins, origem de um dos clãs mais destaca­dos de Alagoas, compreendia uma enorme região que alcança vários municípios do norte hoje, como Porte Calvo, Porto de Pedras, Camaragibe, Maragogi Colônia Leopoldina e São Luís do Quitunde. Nessa enorme sesmaria surgiram inicial­mente sete engenhos, um pujante pólo açucareiro. Deles o Escurial, em Porto Calvo, e Buenos Aires, em Camaragibe, foram os mais destacados

Nenhum comentário:

Postar um comentário